Conecte-se conosco

Politica

CORONAVIRUSGoverno retifica relatório e anuncia que três municípios mudam de fase no plano de ação em RO

Publicado

em

Aos Leitores, ler com atenção:
Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove ao contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

Ariquemes, Jaru e Vilhena passaram da fase 1 para a 2 do plano de ação de combate à Covid-19 “Todos por Rondônia”, segundo portaria publicada no Diário Oficial na quarta-feira (8). Com essa reclassificação de fase, é permitida uma maior abertura do comércio nas cidades.

(CORREÇÃO: Inicialmente, o Governo de Rondônia havia informado no relatório 96 do plano de ação Todos por Rondônia que 20 municípios podiam mudar de fase. No entanto, esta edição do relatório foi retificada posteriormente, passando a informar que apenas três municípios foram reclassificados. A informação foi corrigida às 13h30 de 9 de julho).

Segundo o relatório do plano de ação, 20 municípios permanecem na fase 1, com distanciamento social ampliado, e 29 seguem na fase 3, com abertura comercial seletiva.

Confira quais municípios estão enquadrados em cada uma das quatro fases, segundo o novo relatório:

Distribuição de municípios por fase

Fase 1 Fase 2 Fase 3 Fase 4
Porto Velho Ariquemes Mirante da Serra
Cacoal Jaru Primavera de Rondônia
Ji-Paraná Vilhena Nova Brasilândia D’Oeste
Candeias do Jamari Theobroma
Ouro Preto do Oeste Urupá
Guajará-Mirim Alto Alegre dos Parecis
Espigão D’Oeste Alvorada D’Oeste
Rolim de Moura São Felipe D’Oeste
Machadinho D’Oeste Cabixi
Alta Floresta D’Oeste Cacaulândia
Alto Paraíso Castanheiras
Buritis Cerejeiras
Campo Novo de Rondônia Chupinguaia
Cujubim Colorado do Oeste
Itapuã do Oeste Corumbiara
Nova Mamoré Costa Marques
Pimenteiras do Oeste Governador Jorge Teixeira
Presidente Médici Ministro Andreazza
São Miguel do Guaporé Monte Negro
Pimenta Bueno Nova União
Novo Horizonte do Oeste
Parecis
Rio Crespo
Santa Luzia D’Oeste
São Francisco do Guaporé
Seringueiras
Teixeirópolis
Vale do Anari
Vale do Paraíso

Critérios para mudar de fase

Segundo um decreto publicado pelo Governo esta semana, novos parâmetros passam a ser utilizados para a classificação dos municípios nas fases de distanciamento social. Se antes eram considerados o número de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da macrorregião a qual a cidade pertencia, agora os municípios podem mudar de fase dependendo da taxa de ocupação de leitos no próprio município.

 

Alguns outros critérios também são utilizados para essa mudança de fase, como o índice de novos casos de Covid-19 nos últimos 7 dias. Entenda como funciona e quais os critérios para cada fase.

O que abre e fecha em cada fase:

Fase 1 – Distanciamento social ampliado

Podem abrir os seguintes serviços:

  • açougues, panificadoras, supermercados e lojas de produtos naturais;
  • atacadistas e distribuidoras;
  • serviços funerários;
  • hospitais, clínicas de saúde, clínicas odontológicas, laboratórios de análises clínicas e farmácias;
  • consultórios veterinários e pet shops;
  • postos de combustíveis, borracharias e lava-jatos;
  • oficinas mecânicas, autopeças e serviços de manutenção em geral;
  • serviços bancários, contábeis, lotéricas e cartórios;
  • restaurantes e lanchonetes localizadas em rodovias;
  • restaurantes e lanchonetes em geral, para retirada (drive-thru e take away) ou entrega em domicílio (delivery);
  • lojas de materiais de construção, obras e serviços de engenharia;
  • lojas de tecidos, armarinhos e aviamento;
  • distribuidores e comércios de insumos na área da saúde, de aparelhos auditivos e óticas;
  • hotéis e hospedarias;
  • segurança privada e de valores, transportes, logística e indústrias;
  • comércio de produtos agropecuários e atividades agropecuárias;
  • lavanderias, controle de pragas e sanitização; e
  • outras atividades varejistas com sistema de retirada ( drive-thru e take away) e entrega em domicílio (delivery);
  • atividades religiosas de qualquer culto, até 5 (cinco) pessoas;
  • escritório de advocacia; e
  • vistorias veiculares mediante agendamento.

Fase 2 – Distanciamento social seletivo

Além dos itens citados na primeira fase, podem abrir:

  • corretoras de imóveis e de seguros;
  • concessionárias, locadoras, garagens e vistorias veiculares;
  • restaurantes, lanchonetes, sorveterias e afins para consumo no local;
  • academias de esportes de todas as modalidades;
  • shopping centers e galerias;
  • livrarias e papelarias;
  • lojas de confecções e sapatarias;
  • lojas de eletrodomésticos, móveis e utensílios;
  • lojas de equipamentos de informática e de instrumentos musicais;
  • relojoarias, acessórios pessoais e afins;
  • lojas de máquinas e implementos agrícolas;
  • centro de formação de condutores, despachantes, emplacadoras e congêneres;
  • salões de beleza e barbearias;
  • atividades religiosas presenciais;
  • pesca esportiva;
  • comércio de insumos de estética e produtos de salão de beleza.

Fase 3 – Abertura comercial seletiva

A terceira fase NÃO PERMITE abertura das seguintes atividades:

  • casas de show, bares e boates;
  • eventos com mais de 10 pessoas;
  • cinemas e teatros; e
  • balneários e clubes recreativos.

Fase 4 – Abertura comercial ampliada com prevenção contínua

Segundo o Governo do Estado, nessa etapa haverá reabertura total com os critérios de proteção à saúde coletiva, enquanto houver circulação do vírus sem medida de proteção efetiva (vacina).

Fonte: G1/RO

--Publicidade--
Clique para comentar

Deixe uma resposta

Destaques

Santa Luzia ‐ Grupo de apoiadores instalam outdoor em apoio ao presidente Bolsonaro

Publicado

em

Um grupo de apoiadores  de Santa Luzia D Oeste, RO, instalaram na cidade um outdoor declarando apoio ao Presidente da República Jair Messias Bolsonaro.

O grupo está apoiando o presidente e mostrando que estão  apoiando o presidente devido os atos que vem ocorrendo contra ele, e por esta razão os moradores declararam apoio ao Bolsonaro.

Fonte: Rondonianews 

Continue lendo

Politica

ALTERAÇÕES: Sintero disponibiliza planilha atualizada aos servidores que permanecem na malha fina

Publicado

em

Foto: Divulgação

A planilha disponibilizada possui as alterações necessárias, contendo os números de meses, valor bruto, valor pago a receita federal, valor pago a previdência, bem como o valor líquido que os técnicos administrativos receberam na Isonomia. Logo, os servidores que continuam na malha fina e quiserem obter as informações da planilha que estão devidamente corretas e atualizadas, em concordância com os dados do Banco do Brasil e da 2º Vara, devem entrar em contato com o sindicato através do e-mail jurídico.sintero@gmail.com ou com um dos números disponíveis no link http://www.sintero.org.br/page/diretoria.

O Sintero destaca que a listagem disponibilizada foi encaminhada através de um único relatório. Por isso, não poderá divulgar o documento na íntegra, para os advogados que não fazem parte da assessoria jurídica da entidade, considerando que são dados sigilosos. Neste caso, é indispensável a solicitação do interessado.

Para o Sintero, este pode ser considerado um grande avanço em favor da categoria, que agora terá em mãos os dados de forma precisa e sem divergências.

Fonte. ASSESSORIA

Continue lendo

Politica

Prefeitura publica novo decreto em combate ao Covid-19; veja o que muda em Rolim de Moura

Publicado

em

Em Rolim de Moura – RO, nesta quinta-feira, dia 30, foi publicado um novo decreto de nº 5.008 e segundo a prefeitura municipal o decreto tem como finalidade principal combater a disseminação da Covid-19.

As ações do decreto estão em vigor a partir desta quinta-feira até o dia 15 de agosto, sendo sujeito a alterações, o decreto suspende, dentre outras coisas:

  • ventos, de qualquer natureza, que exijam licença do Poder Público;
  • Atividades coletivas de cinema, playground e teatro;
  • Atividades educacionais em todas as escolas, universidades e faculdades, das redes de ensino pública e privada;
  • Autoescolas poderão atuar com redução de alunos por turma de ensino;
  • Academias de Artes Marciais e Centros de Treinamento;
  • As academias de musculação e ginástica poderão funcionar, desde que com redução de 50% dos alunos;
  • Parques recreativos, urbanos, vivenciais e afins;
  • Clubes recreativos podem abrir, desde que não exceda a ocupação máxima de 50 pessoas;
  • Feiras populares e Balneários;
  • Feiras dos produtores rurais podem funcionar, obedecendo as regras de sanitização;
  • Atendimento ao público em TODAS as agências bancárias e cooperativas;
  • Restaurantes e lanchonetes não podem oferecer sistema de buffet ou self-service, devendo funcionar exclusivamente com sistema a la carte;
  • Salões de beleza poderão atender, mediante agendamento prévio;
  • Igrejas poderão funcionar, desde que observada distanciamento entre frequentadores, poribição da entrada de pessoas do grupo de risco e crianças menores de 12 anos e adotar medidas de sanitização e higiene das mãos;
  • Continuam suspensos eventos esportivos de qualquer modalidade;

Confira o decreto na integra anexo em PDF: 

 

 Fonte: Rolim Notícias

Continue lendo
--Publicidade--

Publicidade

Publicidade

--Publicidade--

Artigos

Categorias

Mais Lidas

Copyright © 2020 Portal de Notícias Rondônia News. Todos Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: